Feeds:
Posts
Comentários

Temático

Olá meninos e meninas, como o tempo anda roendo sem piedade os meus calcanhares, este lugar anda mesmo sem cor e sem sabor,  mas discusões continuam acontecendo toda semana lá no temático e hoje o convite é pra ler e opinar sobre religiosidade. Espero vocês lá.

Bjks

ORAÇÃO DO DIA

“… alivia minha alma, faze com que eu sinta que Tua mão está dada a minha, faze com que eu sinta que a morte não existe porque na verdade já estamos na eternidade, faze com que eu sinta que amar é não morrer, que a entrega de si mesmo não significa a morte e sim a vida, faze com que eu sinta uma alegria modeta e diária; faze com que eu não Te indague demais, porque a resposta seria tão misteriosa quanto a pergunta, faze com que eu receba o mundo sem medo, pois para esse mundo incompreensível nós fomos criados e nós mesmos também incompreensíveis, então é que há uma conexão entre esse mistério do mundo e o nosso, mas essa conexão não é clara para nós enquanto quisermos entendê-la; abençoa-me para que eu viva com alegria o pão que como, o sono que durmo, faze com que eu tenha paciência e caridade comigo mesma, pois senão não poderei sentir que Deus me amou. Faze com que eu perca o pudor de desejar que na hora da minha morte haja uma mão humana amada para apertar a minha, Amém”.
[Uma aprendizagem ou o livro dos prazeres-Clarice Lispector].

A crise invade o país e tem sido o tema mais abordado nos últimos dias, os $50 reais que o governo aumentou no nosso SM não vai fazer nem cócegas no bolso mas é melhor que trocado nenhum. E assim vamos nós no eterno malabarismo do sobreviver.

Pra conseguir rir no meio desse vandaval deixo com vocês esse vídeo. Bjks

Entrei 2009 desacelerando, queria ser mais organizadinha principalmente com o tempo. Esse foi um começo de ano bem proveitoso e bem corrido mas já encaxei aqueles exercícios que eu adiei para todas as segundas-feiras do ano passado e estou até cumprindo rigorosamente para o meu próprio espanto.  Enfim, como nem tudo é perfeito já mudei os horários da minha agenda umas mil e quinhentas vezes mas não cumpro ela direito e acabo me enrolando com um monte de tarefas pra fazer, qualquer dia desses acabo entregando a análise do aparelho fonológico para o professor de fundamentos da administração aff…

No mais ansiosa para um carnaval que me dará direito a quatro dias longe dessa rotina exaustiva (mas que bem lá no fundo até q gosto).

Saudades enormes deste espaço e daqueles que eu aprendi a seguir os passos na blogosfera. Entre estes meus malabarismos com o tempo está a vinda aqui para contar as boas novas, devanear um tikinho e rever os amigos.

Bjks

***

primavera

Tô voltando…

No último dia 20, o choro arrebentou corações e deixou sem fôlego uma família inteira e 40 minutos depois foi o silêncio que estraçalhou corações ora cheio de alegria. Sophia nasceu as 03:05 da manhã de uma segunda-feira agitada, mas como nem tudo são flores às 03: 45 a Lara, doce e bela, faleceu, algo que não caberia nas palavras e que mesmo assim tive que repetir tantas vezes que agora me reservo o direito de não repetí-la aqui. Se chorei? Metade do meu coração se desfez em pedaços e o pranto dos olhos foi menor que o pranto da alma, mas não deixei e nem deixo que essa dor tão particular supere a alegria de olhar o rostinho da minha sobrinha/afilhada Sophia.

Olha que sorriso lindo? É por esse sorriso que a titia se derrete toda!

Bjks e obrigada pelo carinho e a paciência.

Árvore da Amizade

Nunca imaginei que a frase “Que seja eterno enquanto dure” se aplicasse à amizade. Acreditava que as amizades eram infinitas, que as pequenas pedras ou as grandes montanhas do caminho não fossem capazes de empatá-la no seu florescer.

Por mais de 10 anos cultivamos essa linda árvore que hoje fenece com suas folhas secas a cair em nossos pés. E ainda que se regue abundantemente, que um dia, quem sabe, aponte uma folhas verdes sinuosas por entre os galhos, jamais comeremos os frutos suculentos de  outrora, jamais gozaremos de sua bondosa sombra. Hoje choro e estou de luto porque jaz aqui uma amizade.

Perdoem a ausência e a tristeza impregnada nas palavras….

Bjks

Noticias de casa

Tô correndo contra o tempo, esticando as horas desde o dia em que recebi a noticia que passei em turismo. Sim, estou fazendo duas faculdades e juntando a isso ralando muito no trabalho. A única coisa que me deixa infeliz nesse contexto é a falta de tempo de postar coisas decentes e mais assíduas e claro interagir com as pessoas queridas que fazem a blogosfera. No mais estamos as voltas com a decoração do quarto das gêmeas que já ganharam nomes (Sophia e Lara), elas estão previstas para final de novembro, mas não tenho certeza se aguentarão esse tempo todo para dar o ar de suas graças.

Meus queridos paciência comigo, entre uma coisa e outra tentarei mandar notícias.

Bjks

Dizem que todos os dias você deve comer uma maçã por causa do ferro.
E uma banana pelo potássio.
E também uma laranja pela vitamina C.

Uma xícara de chá verde sem açúcar para prevenir a diabetes.
Todos os dias deve-se tomar ao menos dois litros de água.
E uriná-los, o que consome o dobro do tempo.
Todos os dias deve-se tomar um Yakult pelos lactobacilos (que ninguém sabe
bem o que é, mas que aos bilhões,
ajudam a digestão).

Cada dia uma Aspirina, previne infarto.
Uma taça de vinho tinto também.
Uma de vinho branco estabiliza o sistema nervoso.
Um copo de cerveja, para… não lembro bem para o que, mas faz bem.
O benefício adicional é que se você tomar tudo isso ao mesmo tempo e tiver
um derrame, nem vai perceber.

Todos os dias deve-se comer fibra.
Muita, muitíssima fibra.
Fibra suficiente para fazer um pulôver.
Você deve fazer entre quatro e seis refeições leves diariamente.
E nunca se esqueça de mastigar pelo menos cem vezes cada garfada.
Só para comer, serão cerca de cinco horas do dia.

E não esqueça de escovar os dentes depois de comer.
Ou seja, você tem que escovar os dentes depois da maçã, da banana, da
laranja, das seis refeições e enquanto
tiver dentes, passar fio dental, massagear a gengiva, escovar a língua e
bochechar com Plax.
Melhor, inclusive, ampliar o banheiro e aproveitar para colocar um
equipamento de som, porque entre a água, a
fibra e os dentes, você vai passar ali várias horas por dia.

Há que se dormir oito horas por noite e trabalhar outras oito por dia, mais
as cinco comendo são vinte e uma.
Sobram três, desde que você não pegue trânsito, o que é totalmente
impossível!

As estatísticas comprovam que assistimos três horas de TV por dia.
Menos você, porque todos os dias você vai caminhar ao menos meia hora (por
experiência própria, após quinze
minutos dê meia volta e comece a voltar, ou a meia hora vira uma).

E você deve cuidar das amizades, porque são como uma planta: devem ser
regadas diariamente, o que me faz pensar
em quem vai cuidar delas quando eu estiver viajando, caso minhas contas
estejam em dia e eu tiver tempo!

Deve-se estar bem informado também, lendo dois ou três jornais por dia para
comparar as informações.

Ah! E o sexo.
Todos os dias, tomando o cuidado de não se cair na rotina.
Há que ser criativo, inovador para renovar a sedução.
Isso leva tempo e nem estou falando de sexo tântrico.

Também precisa sobrar tempo para varrer, passar, lavar roupa, pratos, enfim
organizar a casa, e espero que você
não tenha um bichinho de estimação.

Na minha conta são 29 horas por dia.

A única solução que me ocorre é fazer várias dessas coisas ao mesmo
tempo!!!

Tomar banho frio com a boca aberta, assim você toma água e escova os dentes.
Chame os amigos e seus pais.
Beba o vinho, coma a maçã e dê a banana na boca da sua mulher.

Ainda bem que somos crescidinhos, senão ainda teria um Danoninho e se
sobrarem 5 minutos, uma colherada de
leite de magnésio.

Agora tenho que ir.

É o meio do dia, e depois da cerveja, do vinho e da maçã, tenho que ir ao
banheiro.

E já que vou, levo um jornal…

Tchau….

*Luís Fernando Veríssimo

SEM FILHO

Hoje assisti o debate que rolou no sem censura sobre a possibilidade da mulher do século XXI escolher QUANDO e SE quer ter filhos, baseado no livro da Francesa Corinne Maier ( Sem filhos-40 razões para você não ter) e a crônica FILHO É PARA QUEM PODE da querida Mônica Montone. O tema deu muito pano pra manga como esperado e enveredou caminhos diversos.

Um dos pontos da discusão foi o preconceito sofrido por mulheres que optaram por não ter filhos, imagino o quanto a presão seja grande em torno delas pois ainda há muito impregnado a visão da mulher senhora do lar e da família, pórem qualquer que seja a escolha tem em torno de si muita polêmica e estardalhaço, pois sempre fui apontada como louca por querer ser mãe e ter apenas 20 anos, não digo que os terei amanhã, mas só o fato de externar esse sonho traz consigo os comentários do quão dificil é criar uma criança, como se os meus 20 anos não me dessem entendimento sufiente para saber disso.

Concordo plenamente com a Mônica, é preciso mais que ser biologicamente saudável para ser mãe e tirando todo o aspecto romântico (embora sem a crueza do livro da francesa supracitado) nem todas nós nascemos para o papel, isso é tão particular que nem deveria ser discutido com tanto ímpeto. Em mim é tão forte o instinto maternal que sei que serei mãe. É fato. Eles não serão extensão de mim, não realizarão os meus sonhos, talvez não cuidem de mim na velhice, mas quem disse que filhos têm essas serventias? Ser mãe é algo tão inexplicável que não poderia ser concedido à todas e acho magnânimo que a mulher, que não se sinta apta, possa “salvar” seu filho de si mesma. Que bom que a mulher da nossa era pode ser o que quiser.

E para a escritora, cantora, atriz ( e tantas outras faces) Moniquita o meu parabéns pela crônica brilhante e polêmica, sem perder a doçura característica e pela bela participação no programa da Leda. Muito sucesso!